Sexta, 22 de setembro de 201722/9/2017
(75) 9 9910-8419
GERAL
PESQUISA DIZ QUE 57% DE BRASILEIROS APROVAM EXPRESSÃO 'BANDIDO BOM É BANDIDO MORTO'
Pesquisa
Allan Matos Cícero Dantas - BA
Postada em 07/11/2016 ás 08h09 - atualizada em 08/11/2016 ás 07h51
PESQUISA DIZ QUE 57% DE BRASILEIROS APROVAM EXPRESSÃO 'BANDIDO BOM É BANDIDO MORTO'

Uma pesquisa aponta que mais da metade da população brasileira, ou 57%, defende a afirmação de que “bandido bom é bandido morto”. Em municípios menores, abaixo de 50 mil pessoas, o índice de concordância chega a 62%. Os dados fazem parte do 10º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, que será divulgado nesta quinta-feira (3), e foram compilados pelo Datafolha a pedido do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).



Em relação a 2015, a aceitação da frase aumentou. À época, 50% da população se dizia a favor da morte de criminosos. Quando a pesquisa separa por sexo, 60% dos homens concordam com a frase e 32% discordam. Já entre as mulheres, 55% concordam e 36% discordam. Separado por idade, a apuração mostra que quanto mais velho, mais a expressão é aprovada. Entre os 16 e os 24 anos, 54% concordam. Já para quem tem 60 anos ou mais, 61% estão de acordo. Ainda segundo o Datafolha, 64% dos brasileiros acreditam que os policiais são caçados pelos criminosos.



A percepção é maior ainda nas regiões Norte (67%), Centro-Oeste (69%) e Sudeste (66%). O índice aumenta entre as famílias com renda mensal superior a dez salários mínimos. Nesse grupo, a concordância é de 72%.


FONTE: Cleriston Silva
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
464
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium